O Grand Canyon é um dos pontos turísticos mais famosos dos Estados Unidos, sendo visitado por quase 5 milhões de pessoas anualmente. Localizado no estado do Arizona, ele foi formado pela ação constate do Rio Colorado, em um processo que durou mais de 6 milhões de anos.

A maioria das pessoas chega ao Grand Canyon de carro, vindo de cidades como Las Vegas e Phoenix, capital do estado. No entanto, se você está em busca de uma experiência um pouco mais luxuosa e verdadeiramente inesquecível, que tal usar um jatinho privado?

Você não precisa ter a sua própria aeronave para fazer isso: é cada vez maior o número de pessoas que utilizam serviços de fretamento aéreo de luxo, alugando pequenos jatos para viagens de turismo com a família e os amigos. Várias empresas estão preparadas para oferecer esta experiência, entre elas a Chapman Freeborn, líder mundial nesse mercado e já presente em território brasileiro.

Próximos ao Canyon, estão localizados alguns pequenos aeroportos que, apesar de não comportarem grandes aeronaves comerciais, funcionam perfeitamente para jatinhos particulares. Com isso, a procura por eles vem aumentando bastante por quem visita a região.

Além de tornar a viagem muito mais rápida, você poderá aproveitar todo o conforto e a exclusividade de viajar na sua própria aeronave, mesmo que ela seja sua somente por algumas horas. Vale a pena conferir essa possibilidade que tem tudo para tornar a viagem ainda mais especial.

Image courtesy of http://bit.ly/1S13c9D

Image courtesy of http://bit.ly/1S13c9D

 

  • O que fazer no Grand Canyon

Quando pensamos no Grand Canyon, imediatamente imaginamos aquelas vistas deslumbrantes de tirar o fôlego. É até difícil descrevê-las, pois muitos dizem que as palavras não são capazes de expressar o quanto essa maravilha da natureza impressiona.O visual é espetacular, e pode ser visto de vários pontos de observação ao longo do Parque Nacional do Grand Canyon. No entanto, se engana quem pensa que apreciar a vista é a única atividade que pode ser feita na região.

São muitas as opções de trilhas para quem quer se aventurar na parte interna do Canyon. Há trajetos mais curtos e outros mais longos, com diferentes níveis de intensidade, variando entre caminhadas leves em meio à natureza e trechos que demandam muito dos visitantes. A escolha depende somente do tempo e do grau de experiência de cada um, já que devemos sempre respeitar os limites do nosso próprio corpo.

Também são comuns os passeios de mula, que permitem apreciar as vistas e os caminhos de forma mais lenta. Muitas pessoas descrevem esta possibilidade como uma experiência incrível.

Se você gosta de acampar, também é possível passar uma ou mais noites no Canyon. Isso é inclusive recomendado para quem vai fazer trilhas mais longas, já que o calor intenso e as condições climáticas adversas podem dificultar muito os trajetos, e até tornar a aventura perigosa se a trilha for feita toda no mesmo dia.

Costuma ser relativamente comum encontrar pessoas, especialmente as mais despreparadas, que superestimam as suas habilidades e sofrem muito para sair do Canyon, tendo inclusive que ser resgatadas.

Apesar de estarem localizadas em partes mais remotas do Canyon e serem de difícil acesso, também é possível visitar vilas indígenas. A acomodação é bem rústica e chegar até elas não é uma tarefa fácil, mas pode valer a pena para os viajantes mais aventureiros, que estão em busca de algo novo e diferente.

Um outro passeio que se tornou muito popular é fazer um vôo panorâmico sobre o Grand Canyon. Ele permite ver todo o parque de cima, inclusive áreas mais remotas que não poderiam ser acessadas de outra maneira. Há algumas empresas que oferecem esse serviço, com vôos em helicópteros ou em pequenas aeronaves.

É aí que entra novamente o jatinho privado. Se você chegar ao Grand Canyon a bordo da aeronave alugada, poderá fazer esse vôo panorâmico na chegada ou na partida, sem ter que contratar o serviço com outra empresa especializada.

 

Image courtesy of http://bit.ly/1HcimQP

Image courtesy of http://bit.ly/1HcimQP

  • Vale a pena conhecer

Não é a toa que o Grand Canyon foi declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO. Quem gosta de natureza e de paisagens estonteantes não pode perder essa experiência incrível. Se você está planejando uma viagem para os Estados Unidos ou ainda não sabe qual será o seu próximo destino, conhecer o Canyon mais famoso do mundo pode ser a opção perfeita. Acredite, você não vai se decepcionar.

Este é um artigo patrocinado.

 

Compartilhe...
    *Aviso: Todo o conteúdo do Jeguiando.com está protegido pela LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Portanto é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.     **Comentários ofensivos serão deletados.  

Lojinha_do_Jeguiando

Pesquisar

  Expedição Jeguiando Across Canada - Atravessando o Canadá nos trens da Via Rail  

Destinos visitados pelo Jeguiando

    alemanha bariloche2 Canadá patagonia_chilena3 França Alagoas_topo Bahia recife Mato_Grosso_do_Sul Minas_Gerais Rio Sao_Paulo Paraná Porto_Alegre Santa_Catarina

Posts mais Populares

%d blogueiros gostam disto: