Vancouver, em British Columbia, é uma cidade cosmopolita. Cosmopolita, jovem, pontuada de bons restaurantes, barzinhos, shoppings, casas de show, galerias e prédios de arquitetura moderna, no entanto a mais popular de suas atrações turísticas é antiga e promove um contraste interessante com a atmosfera cosmopolita da cidade. A poucos minutos do modernoso centro de Vancouver, você imaginaria encontrar um parque, rodeado por uma floresta, que esconde em seu coração um cânion, um rio – o Capilano River – e lindas paisagens naturais? Pois se trata do Capilano Suspension Bridge Park, um parque privado onde uma incrível ponte suspensa recorta um cânion rodeado de imensas árvores e que acumulou milhões de visitas ao longo dos anos (e dá mostras de que ainda será visitado por mais alguns milhões de pessoas no futuro).


  • Capilano Suspension Bridge Park – A atração turística mais popular de Vancouver, British Columbia
Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

A história do Capilano Suspension Bridge Park tem início em 1888, com a chegada de um engenheiro civil escocês em terras canadenses, mas especificamente na jovem cidade de Vancouver. Logo após a sua chegada, George Grant Mackay adquiriu uma propriedade que abrangia nada menos do que 6000 hectares de floresta densa, que era recortada por um rio – o Capilano. Para transformar aquelas terras em “lar”, Mackay construiu uma cabana na beira da parede do cânion, que emoldurava o rio Capilano, onde gostava de passar horas pescando. No entanto, para chegar ao outro lado da propriedade (levando-se em consideração que existia um cânion que a dividia, o engenheiro frequentemente era obrigado a fazer longas caminhadas depois de suas pescarias. Foi assim, então, que surgiu a ideia de construir uma ponte que ligasse os dois lados do cânion.

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

A primeira ponte que liga os dois lados do cânion foi feita de cordas e ancorada em um enorme cedro. Com as margens ligadas e a cabana contando com uma vista exuberante para a floresta, os amigos mais aventureiros de Mackay passaram a visitar frequentemente a propriedade do engenheiro. No entanto, Mackay não viveu muitos anos para aproveitar o seu paraíso particular (tendo falecido poucos anos depois). Em 1904, a ponte deixou de ser feita de cordas (como Mackay havia idealizado de início) e passou a ser feita de cabos de aço.

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Em 1910, Edward Mahon adquiriu a propriedade da Capilano Suspension Bridge. 25 anos depois, no entanto, esta foi comprada por “Mac” MacEachran, que, em 1935, convidou nativos locais a colocarem seus totens no parque. Os povos nativos confeccionaram, então, uma série de incríveis esculturas, que hoje se encontram espalhadas ao longo da propriedade (ou seja, os totens existentes no Parque Capilano são peças originais e não réplicas). A imensa propriedade ainda passou por outras mãos, sempre sendo mantida por capital privado (por isso o Parque Capilano não é público) e a famosa ponte, com 140 metros de extensão e erguida a mais de 70 metros do chão, passou ainda por uma total reconstrução em 1956. Hoje, o parque pertence a Nancy Stibbard (que o adquiriu em 1983, mantendo-o com valor dos ingressos e produtos comercializados no local), que tornou-se a maior de suas entusiastas. Além da famosa ponte, Nancy adicionou novas atrações ao parque, como a Treetops Adventure (uma trilha suspensa que interliga grandiosas árvores) e a Cliff Walk, uma caminhada sobre o penhasco, em uma trilha que envolve trechos com chão de vidro reforçado.

  • Atravessando a Ponte Capilano (Capilano Bridge)
Imagem aérea da Capilano Suspension Bridge. Imagem: Divulgação

Imagem aérea da Capilano Suspension Bridge. Imagem: Divulgação

Capilano Suspension Bridge. Imagem: Divulgação

Capilano Suspension Bridge. Imagem: Divulgação

Uma ponte com 140 metros de extensão e suspensa 70 metros acima do Rio Capilano é o que te espera no Capilano Suspension Bridge Park. Um conselho: se você tem medo de altura, certamente também tem duas opções à sua escolha: não atravessá-la ou enfrentar os medos e guardar a sensação de estar acima de um cânion, entre árvores grandiosas como lembrança para a vida. Não tenho medo de altura a ponto de deixar de ir, mas quando você está no meio da ponte (que balança que é uma beleza), certamente será acometido por um leve arrependimento, acompanhado por um balãozinho de pensamento – “mas o que eu inventei de fazer aqui?!”. Pois bem, o meu leve arrependimento durou uns dois minutos. Quando me deparei com aquela imensidão abaixo dos meus pés e me senti uma formiga entre aquelas árvores enormes e em comparação ao cânion, me convenci de que estava no lugar certo (mesmo me segurando no cabo de aço como se não houvesse amanhã).

    Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

    Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Um dos pontos importantes que todo o visitante do parque (que se propõe a fazer a travessia da ponte) precisa ter em mente é o seguinte – só há uma forma tranquila de voltar ao seu ponto de partida: pela ponte. Se Mackay construiu a Capilano em 1889 para facilitar a vida, te juro que seu propósito era forte. Fazer uma trilha por dentro da mata para voltar à entrada do parque definitivamente não será o jeito mais fácil e rápido de voltar pra casa. Então, meu amigo, se você atravessar de um lado para o outro, saiba que terá que voltar pelo mesmo lugar!

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Capilano Suspension Bridge Park, a mais popular atração turística de Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Balançando na Capilano. Imagem: Jeguiando

Balançando na Capilano. Imagem: Jeguiando

Rio Capilano. Imagem: Erik Pzado

Rio Capilano. Imagem: Erik Pzado

Há uma regra simples a ser levada em conta se você tem (muito) medo de altura: quanto mais gente na ponte, mais a ponte balança, ou seja, se você quiser passar tranquilamente, espere os grandes grupos passarem. Não deixe, no entanto, de realmente apreciar a paisagem quando chegar à metade do caminho. Garanto que é uma vista realmente de tirar o fôlego: o cânion, o rio Capilano e as grandiosas árvores, tudo em perfeita harmonia. Entre na “vibe do fighting fears” e certamente guardará lembranças incríveis deste momento. O lugar é tão especial que, inclusive, muitos canadenses passaram a escolher a ponte como seu “altar” no dia do casamento. Vários casais têm casado no meio da Ponte Capilano (primeira grande aventura a dois depois do sim!).

Rio Capilano. Imagem: Erik Pzado

Rio Capilano. Imagem: Erik Pzado

Segurando no cabo de aço como se não houvesse amanhã. Imagem: Erik Pzado

Segurando no cabo de aço como se não houvesse amanhã. Imagem: Erik Pzado

Erik zombando do medo! Imagem: Janaína Calaça

Erik zombando do medo! Imagem: Janaína Calaça

  • Treetops adventure

Além da aventura de atravessar a Ponte Capilano, muitos visitantes comumente optam também por fazer as outras atividades propostas no parque, como a Treetops Adventure e a Cliff Walk. A Treetops Adventure consiste, basicamente, em fazer uma trilha suspensa entre grandiosas árvores e, a cada nível superado, mais alta fica a trilha. Certamente, em algum momento, você se sentirá meio Tarzan ou como se estivesse fazendo uma participação especial na antiga série de tv “O Elo Perdido” (você viajou no tempo e foi tomar um cafezinho na casa suspensa dos personagens da série, tendo um T-Rex na porta como companhia – algo assim).

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

– Diversão para a criançada

A diversão não acontece somente nas alturas! Na floresta, várias atividades são idealizadas principalmente para fazer a festa dos pequenos! Como estávamos visitando o Capilano próximo ao natal, além de toda a decoração especial nas trilhas, a “expedição” voltada para a criançada (uma das atividades propostas) incorporou um elemento do imaginário natalino à aventura. Ao longo do parque, foram espalhadas várias renas iluminadas e durante a caminhada pela trilha (para fazer os pequenos se exercitarem e curtirem o contato com a natureza), os guias pedem às crianças para encontrarem todas as renas espalhadas pelo caminho. Ao final da “expedição”, os pequenos ganham uma badge e o certificado de que participaram de toda a aventura (e de que encontraram todas as renas, claro!).

Priscila, nossa companheira de viagem e amiga, fazendo a Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Priscila, nossa companheira de viagem e amiga, fazendo a Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

Treetops Adventure. Imagem: Erik Pzado

  • Cliff Walk

Depois da ponte, acredito que a aventura mais desafiadora para quem tem medo de altura (e para quem não tem também) é a Cliff Walk! Apesar do percurso ser menor, passear por cima do cânion, tendo alguns trechos pontuados por piso de vidro (que dá aquela sensação básica de flutuar em cima do abismo), é também uma boa opção para quem queira estimular um pouquinho a adrenalina durante o passeio pelo parque.

Imagem aérea da Cliff Walk. Imagem: Divulgação

Imagem aérea da Cliff Walk. Imagem: Divulgação

Cliff Walk. Imagem: Divulgação

Cliff Walk. Imagem: Divulgação

Cliff Walk. Imagem: Divulgação

Cliff Walk. Imagem: Divulgação

Infelizmente, quando fizemos a caminhada neste trecho do parque, a luminosidade já havia caído bastante e a porção com piso de vidro estava coberta (pois havia chovido e o chão estava escorregadio). Nas fotos cedidas pela Capilano, no entanto, é possível observar a vista durante o dia e, principalmente, em dias não encobertos por nuvens. Simplesmente fantástica! Logo, para quem é amante de paisagens naturais e de desafios (como enfrentar o medo de grandes alturas), a Capilano é uma opção de passeio interessante durante uma estadia em Vancouver. A beleza do lugar, os artifícios do homem em driblar os obstáculos da natureza é o que torna, sem dúvidas, o parque a atração turística mais popular da cidade.

Cliff Walk. Imagem: Erik Pzado

Cliff Walk. Imagem: Erik Pzado

Cliff Walk. Imagem: Erik Pzado

Cliff Walk. Imagem: Erik Pzado

Cliff Walk. Imagem: Erik Pzado

Cliff Walk. Imagem: Erik Pzado

  •  Capilano Suspension Bridge Park no Natal

Como citei anteriormente no post, visitamos o Capilano Suspension Bridge Park dias antes do Natal, ou seja, o parque estava completamente enfeitado para a data (à noite, o efeito fica mais bacana ainda). Muitas árvores e as atrações do parque estavam igualmente inseridas na “vibe” natalina. Acompanhada de um copo de chocolate com Baileys, terminei o passeio pelo parque vendo as luzes ganharem mais destaque e ainda assisti, de quebra, a um workshop super interessante como fazer bolas natalinas artesanais de vidro. Um espetáculo de cores, formatos e sobretudo de muita destreza coroou um passeio pra lá de bacana e diferente em um parque grandioso escondido em meio à cosmopolita Vancouver.

Observações importantes: Por ser uma viagem internacional, é aconselhável fazer um seguro de viagem. Viajou para longe de casa, não deixe de fazer um seguro!

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

  • Outras informações:

– Preço dos tickets em dólares canadenses (valores sujeitos a alterações):

Adulto (18-64): $31.95
Idosos (65+): $29.95
Estudantes (17+ portando documento de identidade): $25.95
Jovens (13-16): $19.95
Crianças (6-12): $12.00

– Localização: 3735 Capilano Road. North Vancouver, BC. Canada V7R 4J1.

– Horário de Funcionamento: 09:00 ã às 17:00 horas.

– Tel.: 604.985.7474

– Fax: 604.985.7479

– Email: info@capbridge.com

– Site oficial: http://www.capbridge.com/

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

  • Agradecimentos:

À  Comissão Canadense de Turismo (CCT) pelo convite e por acreditar em nosso trabalho;

Aos amigos José Mauro Nassar, Priscila De Martini e Ari Paleta, pela companhia, pelos dias de riso, pelas boas histórias (que foram muitas!), por viverem conosco dias singulares e que guardaremos na memória.

  • Para acompanhar as notícias e conhecer mais sobre o Canadá, visite:

http://br.canada.travel
http://twitter.com/exploreocanada
http://youtube.com/exploreocanada
http://flickr.com/exploreocanada
http://canadakeepexploring.tumblr.com/
http://pinterest.com/explorecanada/

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Decoração natalina do Capilano Suspension Bridge Park. Vancouver, British Columbia. Imagem: Erik Pzado

Acompanhe o Jeguiando nas redes sociais!

Conheça nossa Fanpage!

http://www.facebook.com/Jeguiando

    *Aviso: Todo o conteúdo do Jeguiando.com está protegido pela LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Portanto é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.     **Comentários ofensivos serão deletados.  

3 Comentários

  1. Oi, Jana. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia Paulista

  2. Marthe disse:

    Oi!!

    Adorei o artigo!! Great blog & great photos 🙂


Anuncie no Jeguiando! 8 anos de viagens! Lojinha_do_Jeguiando

Pesquisar

  Expedição Jeguiando Across Canada - Atravessando o Canadá nos trens da Via Rail  

Destinos visitados pelo Jeguiando

    alemanha bariloche2 Canadá patagonia_chilena3 França Alagoas_topo Bahia recife Mato_Grosso_do_Sul Minas_Gerais Rio Sao_Paulo Paraná Porto_Alegre Santa_Catarina

Posts mais Populares

%d blogueiros gostam disto: