Cueva del Milodón – Puerto Natales, Chile (Patagônia)


Se alguém me pedir para definir como é uma viagem à Patagônia, acredito que arrebatadora é uma palavra que define bem a experiência que vivi nestes dias. É uma viagem que estimula os sentidos e que nos faz, sobretudo, lembrar de como o mundo guarda lugares incríveis e de como a natureza é grandiosa. De paisagens ermas a campos pontuados por animais a correrem livres, do azul dos lindos glaciares aos grandes maciços rochosos, do vento gelado que a todo tempo testa nossa resistência, das águas cristalinas e de tons variados provenientes dos degelos… Tudo é emocionante. Em vários momentos (vários mesmo), você se descobre pequeno diante da grandiosidade das paisagens naturais e privilegiado por estar vivo para presenciar a beleza de um lugar como esse. Digo isso porque passei por um longo período ligada no modo borocoxô, devido a um ano extremamente complicado. No fim das contas, além de arrebatadora, diria que esta viagem, promovida pelo Turismo Chile, foi para mim revitalizadora e profundamente necessária.


  • Cueva del Milodón – Puerto Natales, Chile (Patagônia)
Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

Puerto Natales, capital da Província de Ultima Esperanza, é uma das cidades da Patagônia Chilena agraciadas por lindas paisagens e pela proximidade de importantes destinos turísticos da região. Além de ser o acesso principal para o Parque Nacional Torres del Paine – situado a cerca de 154 km da cidade -,  de Puerto Natales é possível visitar o Cerro Dorotea, o  Fiorde Ultima Esperanza, o Golfo Montt, o Parque Nacional Bernardo O’Higgins (de onde se tem acesso aos grandes glaciares Balmaceda e Serrano e vista de grandes maciços e bosques) e la Cueva del Milódon, de que falaremos hoje.

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

No caminho para o Parque Nacional Torres del Paine e localizada apenas a 24 km de  Puerto Natales e a 3 km do Fiorde Eberhard, la Cueva del Milodón é praticamente parada obrigatória. O complexo rochoso, descoberto em 1896, é um aglomerado de 3 cavernas, sendo que a maior tem 30 metros de altura e 200 metros de profundidade. Para se ter ideia da grandiosidade da caverna, é só comparar o tamanho das árvores localizadas na entrada do complexo e, nas demais fotografias abaixo, procurar pontos coloridos nas fotos, que nada mais são que os visitantes.

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

A caverna ganhou o nome de Milodón pois lá foram encontrados restos de pele e ossos do Mylodon darwini, um grande herbívoro que viveu na região e pode ter desaparecido há cerca de 10.000 anos. Uma réplica do que teria sido o animal foi colocada na entrada do complexo rochoso, para que os  visitantes possam ter noção do que se trata um Milodón (para conseguir tirar foto com a réplica do bichano é difícil, pois são muitos os visitantes! Mas, no fim, você consegue!).

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

La Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

La Cueva del Milodón. Puerto Natales, Patagônia, Chile. Imagem: Janaína Calaça

 A acessibilidade da Cueva del Milodón é um ponto de destaque. Foi construída uma passarela até a entrada da caverna e, para passear pelo complexo, há uma trilha também. Ou seja, nada de caminhar sobre as rochas e correr o risco de cair e quebrar o nariz! Cadeirantes também conseguem chegar à Cueva del Milodón tranquilamente. Só a trilha pelas três cavernas, incluindo a Silla del Diablo, não é recomendada pela presença de alguns degraus. Claustrofóbicos também devem evitar a trilha, pois esta adentra a caverna. Mas, se você é interessado em paisagens naturais e cavernas, vale uma passadinha por lá. É um passeio que não exige preparo físico! Só curiosidade pela história e pelo passado da região! 😉

Passarelas acessíveis. Imagem: Janaína Calaça

Passarelas acessíveis. Imagem: Janaína Calaça

Quer saber mais sobre a Patagônia Chilena e sobre o Chile em geral, acesse o site oficial do Turismo no Chile: http://www.chile.travel/ ou acompanhe as novidades através de sua fanpage: https://www.facebook.com/chiletravelguide

Observações importantes: Por ser uma viagem internacional, é aconselhável fazer um seguro de viagem. Viajou para longe de casa, não deixe de fazer um seguro!

  • Outras informações:

– Localização: A 24 km ao norte de Puerto Natales.

– Quem nos levou para conhecer: Comapa, operadora de turismo especializada em Patagônia.

– Indicação: Para todas as idades.

Cueva del Milodón. Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

Milodón dando tchau! Puerto Natales, Chile, Patagônia. Imagem: Janaína Calaça

  • Agradecimentos

Ao Turismo Chile, ao Servicio Nacional de Turismo de la Región de Magallanes y Antártica Chilena e à Cámara de Empresarios de Turismo Austro Chile pela oportunidade de conhecer a incrível Patagônia Chilena; a Jorge Guazzini e Pía Moya pela confiança em meu trabalho e por todo suporte e um agradecimento especial à minha querida Mari Campos.

Para acompanhar nossa viagem à Patagônia Chilena, siga o Jeguiando nas redes sociais!

Conheça nossa Fanpage!

http://www.facebook.com/Jeguiando

 

    *Aviso: Todo o conteúdo do Jeguiando.com está protegido pela LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Portanto é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.     **Comentários ofensivos serão deletados.  

Anuncie no Jeguiando! 8 anos de viagens! Lojinha_do_Jeguiando

Pesquisar

  Expedição Jeguiando Across Canada - Atravessando o Canadá nos trens da Via Rail  

Destinos visitados pelo Jeguiando

    alemanha bariloche2 Canadá patagonia_chilena3 França Alagoas_topo Bahia recife Mato_Grosso_do_Sul Minas_Gerais Rio Sao_Paulo Paraná Porto_Alegre Santa_Catarina

Posts mais Populares

%d blogueiros gostam disto: