Santa Tereza – Rio de Janeiro


Santa Tereza é um dos bairros que me faz querer retornar ao Rio de Janeiro. Próximo ao Centro e à Lapa, com uma das inúmeras vistas panorâmicas da cidade, inclusive para a Ponte Rio-Niterói, Santa Tereza é um lugar mergulhado no tempo, onde bondinhos atravessam ruas estreitas, pontuadas de casarões antigos, que carregam em suas paredes histórias do lugar. O bairro, que antes apenas reunia casas e casarões de classe média e classe média alta, hoje é transformado em um dos pontos turísticos mais interessantes da cidade, reunindo ateliers de artistas locais, bares, restaurantes e museus.

Bondinho de Santa Tereza e grafite em sua homenagem. Rio de Janeiro. Imagem: Janaína Calaça.

Bondinho de Santa Tereza e grafite em sua homenagem. Rio de Janeiro. Imagem: Janaína Calaça.

Dentre as atrações do bairro, estão: o Parque das Ruínas; o Convento de Santa Teresa; o Castelo Valentim; a Igreja de Nossa Senhora das Neves; o Museu do Bonde; o Bonde de Santa Teresa e o Museu da Chácara do Céu.

  • Bondinho de Santa Tereza
Bondinho subindo as ruas de Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem? Erik Pzado.

Bondinho subindo as ruas de Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem? Erik Pzado.

Para quem nunca andou de bondinho e tem vontade de viajar no tempo, o turista, ao preço de R$ 0,60, pode embarcar nesta viagem lúdica. O bonde de Santa Tereza é o único ainda em funcionamento na cidade e hoje as linhas disponíveis são a de Paula Matos e a de Dois Irmãos.

Jegueton curtindo o Bondinho. Imagem: Erik Pzado.

Jegueton curtindo o Bondinho. Imagem: Erik Pzado.

Partindo do centro do Rio, nas imediações da Rua Evaristo da Veiga, o bondinho faz seu trajeto nas subidas e descidas enladeiradas de Santa Tereza. Durante o roteiro, dá para fotografar os Arcos da Lapa, a Igreja e o Convento de Santa Tereza, o Largo do Curvelo e  o Parque das Ruínas.

Jegueton pendurado no Bondinho. Imagem: Erik Pzado.

Jegueton pendurado no Bondinho. Imagem: Erik Pzado.

Simpático e colorido, o bonde é uma das atrações do bairro e inspiração para artistas locais como Getúlio Damado, que transforma garrafas, pedaços de madeira e outros materiais recicláveis em peças artesanais vendidas a partir de R$ 10,00. O atelier do artista é uma réplica do bondinho, instalada na Rua Aprazível. Do outro lado da rua, o visitante pode tirar fotos da réplica construída pelo artista , que é palco de brincadeiras das crianças do bairro.

Artista local utiliza material reciclável para criar suas peças. Imagem: Erik Pzado.

Artista local utiliza material reciclável para criar suas peças. Imagem: Erik Pzado.

  • Convento de Santa Tereza
Convento de Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

Convento de Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

Construção que data do século XVIII, o Convento de Santa Tereza foi o primeiro convento feminino, que hoje encontra-se revitalizado e aberto à visitação. Como podemos ver na fotografia, o bondinho passa por lá. 🙂

  • Casarões de Santa Tereza
Casarões de Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

Casarões de Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

Para os interessados em arquitetura, Santa Tereza reúne vários casarões que datam inclusive da época de ocupação do morro do Desterro, hoje conhecido como Morro de Santa Tereza.

Casarão em Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

Casarão em Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

O bairro, que recebeu muitos imigrantes espanhóis, traduz a influência espanhola nas paredes e nos azulejos dos casarões. Cercadas por árvores e pelo colorido de flores diversas, estas construções são testemunhas silenciosas de anos de transformação da cidade, que, mesmo cosmopolita, ainda guarda o encanto de belas paisagens naturais a serem visitadas.

Casarão em Santa Tereza e seus famosos azulejos azuis. Imagem: Erik Pzado.

Casarão em Santa Tereza e seus famosos azulejos azuis. Imagem: Erik Pzado.

A área vastamente arborizada do Morro de Santa Tereza atrai não somente os olhares dos visitantes, mas também a presença de vários animais que vivem por lá, como graciosos saguis, que andam em bando e que, quando dá na telha, descem até galhos mais baixos para conferir de perto quem são os curiosos que os espreitam. 🙂

Saguis espalhados pelas árvores de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

Saguis espalhados pelas árvores de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

Saguis espalhados pelas árvores de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

Saguis espalhados pelas árvores de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

Saguis espalhados pelas árvores de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

  • Restaurantes e bares em Santa Tereza

Depois de caminhadas e fotografias, nada como parar para petiscar alguma coisa ou até mesmo fazer uma refeição. Como havia dito, por estar ganhando, cada vez mais, feições de ponto turístico, Santa Tereza hoje conta com uma estrutura de bares e restaurantes, que estão mais concentrados na Rua Alte. Alexandrino. Lá você encontrará desde restaurantes com gastronomia regional até sushi bares. Para quem procura um ambiente mais elaborado, a opção é o Restaurante Aprazível, localizado na Rua Aprazível e que possui uma das vistas mais privilegiadas do bairro. A estrutura do lugar é muito bacana. Muita madeira, chita, mas o atendimento às vezes se embola, quando a casa está muito cheia, como é o costume. Para não correr o risco de se frustrar, é melhor ligar antes para fazer uma reserva.

  • Ateliers e lojas de arte e artesanato

Para os interessados em arte e artesanato, Santa Tereza possui várias opções de lojas voltadas para estes itens. Muitos artistas locais, inclusive, comercializam seus trabalhos nas lojas do bairro ou nos seus próprios ateliers. É comum passar pela Rua Alte. Alexandrino e ver alguns artistas trabalhando em seus quadros e em outras criações.

La Vereda, loja de artes e semelhantes em Santa Tereza. Rio de Janeiro. Imagem: Erik Pzado.

Erik e eu visitamos várias lojas, mas resolvemos levar umas pecinhas do La Vereda. Além da loja ser um encanto, o atendimento é impecável e se você for pagar as peças à vista, dá até para levá-las com um desconto de 10%. Como fizemos várias fotos do lugar, pelo colorido, pela variedade de peças e principalmente por terem nos dado esta liberdade de fotografar, reservarei um post para a loja para que vocês entendam porque endoidei quando pisei lá. 🙂

  • Visite Santa Tereza!
Vista da Ponte Rio-Niterói de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

Vista da Ponte Rio-Niterói de Santa Tereza. Imagem: Erik Pzado.

Em passagem pelo Rio de Janeiro, além do Corcovado, do Pão de Açúcar e de Copacabana, se dê de presente uma visita ao bairro de Santa Tereza. Seja pela vista panorâmica do Morro de Santa Tereza, pelos casarões de mais de dois séculos, pelo passeio de bondinho ou pela cerveja gelada tomada em um de seus bares, Santa Tereza atrai pela sua atmosfera de cantinho perdido no tempo. Enquanto o tempo corre lá embaixo, no trânsito, na correria diária, Santa Tereza segue seu silêncio recortado por gritinhos de saguis, pelo balanço de suas árvores ao vento ou pelo som do bonde amarelinho passando e enfeitando a paisagem! Aos que vão para o Rio, deixo só o visite Santa Tereza como dica e convite! Vale a pena! 🙂

Siga-nos no Twitter!

    *Aviso: Todo o conteúdo do Jeguiando.com está protegido pela LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Portanto é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.     **Comentários ofensivos serão deletados.  

2 Comentários

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Erik PZado Araujo, Oficina do Diabo, Fabiola Pereira, jana_calaca, Jegueton and others. Jegueton said: A beleza, boemia e delicadeza das ruas de Santa Tereza, hj, no Jeguiando. http://bit.ly/c2PYyO #riodejaneiro #santatereza […]

  2. […] No post anterior, falei um pouco sobre um dos meus bairros preferidos no Rio de Janeiro: Santa Tereza. Cada viajante acaba elegendo seu cantinho em cada cidade que passa e no Rio, eu elegi Santa Tereza […]


Anuncie no Jeguiando! 8 anos de viagens! Lojinha_do_Jeguiando

Pesquisar

  Expedição Jeguiando Across Canada - Atravessando o Canadá nos trens da Via Rail  

Destinos visitados pelo Jeguiando

    alemanha bariloche2 Canadá patagonia_chilena3 França Alagoas_topo Bahia recife Mato_Grosso_do_Sul Minas_Gerais Rio Sao_Paulo Paraná Porto_Alegre Santa_Catarina

Posts mais Populares

%d blogueiros gostam disto: