Quando eu era criança, grande parte de minhas viagens aconteciam através dos livros. Grana curta e uma carteirinha na biblioteca Monteiro Lobato, em  Nazaré (bairro de Salvador, Bahia), me fizeram viajar muito… através dos livros, o que mais tarde me fez seguir a profissão de professora de literatura. Viajei pelo Sítio do Pica-pau amarelo, pela Grécia e por seus mitos, pelo mar de Iemanjá contado através das linhas de Jorge Amado e viajei no tempo através de livros que contavam histórias acontecidas em séculos passados. É… viajei pra caramba, sem grana e com muita imaginação! Não tenho filhos ainda, mas tenho sobrinhos e pensei muito neles quando recebi esta série enviada pela Globo Livros para a redação do Jeguiando. Eles, como eu, têm a mesma ansiedade de mundo e, enquanto não correm por aí, viajam como a tia no passado: no embalo das histórias.

Jegueton espalhado entre a série Proibido para adultos da Lonely Planet. Imagem: Erik Pzado

Jegueton espalhado entre a série Proibido para adultos da Lonely Planet. Imagem: Erik Pzado

No “meu tempo”, os destinos estavam diluídos nos livros de literatura e muitas vezes eram apenas cenário para as tramas se desenrolarem. Ao longo dos anos, os destinos passaram a ser também “personagens”, que instigam cada vez mais a imaginação das crianças – que hoje têm ficado muito menos nas casas dos avós e acompanhado os pais nas andanças pelo mundo. Além de viajarem todos os dias através da imaginação, os pequenos querem por o pé na estrada com sua família para não perderem tempo! Afinal, a vida é curta e o mundo é grande pra chuchu!

Lendo sobre enguias melequentas. Imagem: Erik Pzado

Lendo sobre enguias melequentas. Imagem: Erik Pzado

Os primeiros livros da série Proibidos para Adultos – voltados para o público infantojuvenil e editados pela Globo Livros em parceria com a Lonely Planet – são dedicados a algumas das cidades mais famosas do mundo e que mais ocupam o imaginário coletivo dos viajantes: Londres, Paris, Roma e Nova York. A ideia não foi criar um guia tradicional, mas apresentar as cidades às crianças através do que há de mais peculiar sobre elas: eventos históricos, comida, estilo de vida de seus habitantes e todo tipo de curiosidades – “como estações de metrô fantasmas parisienses, as invenções tipicamente nova-iorquinas, os mecanismos que fazem o Big Ben um símbolo da pontualidade londrina” e muito mais.

Jegueton e uma leitura mais apropriada à sua idade. Imagem: Erik Pzado

Jegueton e uma leitura mais apropriada à sua idade. Imagem: Erik Pzado

Através de várias ilustrações divertidas e de histórias para contar, a série não só estimula a criança a querer descobrir o mundo cada vez mais ao lado de seus pais. Os livros acabam por estimular os pequenos a escolherem a experiência e o conhecimento como caminhos interessantes a trilhar na vida, em detrimento da enxurrada consumista que nos cerca. Bom… Agora tenho que convencer o Jegueton a dividir os livros com o Vini e com o Guga, meus sobrinhos queridos, que hão de viajar bastante entre estas páginas, assim como um dia eu viajei nas mesinhas e cadeiras da biblioteca Monteiro Lobato, em Salvador.

Jegueton entre a série Proibido para adultos da Lonely Planet. Imagem: Erik Pzado

Jegueton entre a série Proibido para adultos da Lonely Planet. Imagem: Erik Pzado

  • Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no Jeguiando, na Lonely Planet Brasil e na Globo Livros?! Então conheça nossos espaços!

– Fanpage da Lonely Planet Brasil: http://www.facebook.com/lonelyplanetbrasil

– Fanpage da Globo Livros: http://www.facebook.com/globolivros

– Fanpage do Jeguiando: http://www.facebook.com/Jeguiando

 

 

    *Aviso: Todo o conteúdo do Jeguiando.com está protegido pela LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998. Portanto é proibida qualquer reprodução ou divulgação das imagens, com fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem prévia consulta e aprovação.     **Comentários ofensivos serão deletados.  

3 Comentários

  1. […] Série “Proibido para adultos” da Lonely Planet apresenta destinos do ponto de vista das… Postado por Janaína Calaça em jun – 4 – 2012 0 Comentário // // […]

  2. Luciano disse:

    Vamos procurar a próxima vez que formos a uma livraria!

  3. Ótima dica de literatura para crianças. Infelizmente, com a internet e as viagens reais, os livros, muitas vezes, ficaram de lado e precisam ter um espaço importante na vida dos pequenos, para ensinar a eles que a imaginação e a criatividade são características necessárias para a vida. Além disso, incentiva as crianças a lerem outras obras e a não perderem o hábito depois de adultas.


Anuncie no Jeguiando! 8 anos de viagens! Lojinha_do_Jeguiando

Pesquisar

  Expedição Jeguiando Across Canada - Atravessando o Canadá nos trens da Via Rail  

Destinos visitados pelo Jeguiando

    alemanha bariloche2 Canadá patagonia_chilena3 França Alagoas_topo Bahia recife Mato_Grosso_do_Sul Minas_Gerais Rio Sao_Paulo Paraná Porto_Alegre Santa_Catarina

Posts mais Populares

%d blogueiros gostam disto: